Torcedora símbolo do Operário diz que não irá mais a estádio se time contratar goleiro Bruno

0

Torcedora símbolo do Operário de Várzea Grande desde a fundação do clube, em 1949, Mariana Fernandes Macedo se posicionou contra a decisão de contratar o goleiro Bruno Fernandes, que já foi condenado a mais de 20 anos de prisão pelo sequestro, assassinato e ocultação do cadáver de Eliza Samudio. Prestes a completar 82 anos, ela afirma que, caso seja transmitido, siga as partidas pelos rádios e TV. Adicione ainda o jogo para assistir aos jogos dos times rivais, para matar a saudade do esporte.
Natural da Chapada dos Guimarães (100 km de Cuiabá), onde se casou, Mariana disse ao  Olhar Direto que não gostaria que Bruno fosse contratado pelo Clube. “Eu não contratarei e não gostaria de contratar o operador. Mas não posso julgar ninguém, estou na minha, esperando acontecer. Porque todas as pessoas estão sendo contra, [falando] que ele tem uma segunda chance. não fosse no clube do Operário Várzea-grandense, que fosse em qualquer outro, mas aqui eu não gostaria “, afirma.

“Se ele for contratado, você evitará o estádio. Eles falam ‘você não precisa atirar para Bruno’. Mas como você não torcerá por um tempo sem o elenco inteiro? Um jogador que não joga, tem 11 anos” , argumenta.

Aos 81 anos, Mariana lembra que foi escolhida como símbolo atormentado por participar de todos os jogos, inclusive nos fóruns da cidade. Apesar de ainda ir aos gramados, mas não com a mesma frequência, ela acredita que não faz mais diferença para o clube. “Um diretor acha que ele é o melhor para o operador, um diretor contratado, e depois eles vão ver o resultado. Na idade que eu estou, já dei o que tinha há muito tempo, hoje acho que não fiz nenhuma diferença. Eu vou ficar quieta no meu canto, assistir os jogos da minha casa “.

Mãe de oito filhos, com 13 netos e oito bisnetos, uma torcedora explica o motivo da sua não concordância. “Eu não concordo, porque sou mulher, sou mãe. Isso é demais para mim, saber ou fazer, porque todo mundo sabe, não precisa repetir. É muito triste, não concordo”, assevera. “Estava entusiasmado, mas foi um pouco de água fria”.
O Conselho Estadual de Direitos da Mulher de Mato Grosso (CEDM / MT) também repudiou uma situação, por meio de posicionamento emitido por nota. A entidade pondera que o futebol cria ídolos entre crianças e jovens, no processo de formação e entende que alguém pode cometer um crime tão bárbaro ou um fato bastante preocupante.

Mariana acrescenta que “O esporte é uma coisa que você quer levar para o seu lado, bisneto, quer apresentar uma coisa boa. Como você pode torcer para uma cara que fez o que fez? Se meu neto perguntar para mim quem é esse jogador Bruno?” questiona.

Caso contrário, Bruno poderá jogar no campeonato Mato-Grossense, Copa do Brasil, Copa Verde e Série D. Ela não deve estar presente no próximo jogo do tempo, previsto para ocorrer em fevereiro. “Vou participar de um congresso evangélico em Goiânia, não vou estar aqui”.

“Não sou ninguém para julgar, não julgo para não ser julgado, mas ele fez muito para mim, como mulher. Toda vez que eu ver, vou lembrar disso. Pra quem? Dizem que os olhos não vêem, o Eu não posso ficar tranquilo na minha casa, assistindo jogo pelo rádio, televisão, e passando. Assim, eu vou terminar sem sofrer, porque se eu for, vou sofrer. Eixo repulsivo. Deixo para quem quiser bater palma para ele, que vá. Espero que ele venha, faça bem feito, mas não com minha prevista “, finaliza.
Bruno ficou nove anos preso pela morte de Eliza Samudio e deixou a prisão em julho de 2019, após obter na Justiça um progresso de regime para semiaberto. Em agosto de 2019, ele assinou contrato com o Poços de Caldas FC, porém deixou o clube dois meses depois.
Sites nacionais divulgados pelo goleiro Bruno agora estão negociando com alguns horários, inclusive no Mato Grosso. O Cuiabá Esporte Clube divulgou uma nota em seu perfil no Instagram, desmentindo uma situação. Conforme o supervisor de futebol, como negociações sempre ocorridas com o clube de Várzea Grande.

Fonte: Olhar direto

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY